segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Pensar que estamos a sós no universo é puro egoísmo

Ufologia, Carl Sagan, ET

"Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço"

Carl Sagan


Muitas são as perguntas que levam o ser humano a refletir sobre diversas questões, questões essas que não possuem respostas definitivas e, isso os fazem chegarem as suas próprias conclusões sobre determinados assuntos, esses que por vez, geram discussões produtivas a fim de chegar à determinada resolução de tal assunto, é isso o que vemos em reuniões e eventos ufológicos, eventos que reúnem ufólogos e outras pessoas que acreditam na existência de vida inteligente extraterrena, lá eles expõem suas opiniões por meio de palestras e debates, a fim de compartilhar seus conhecimentos, dúvidas e pontos de vista.

Ao longo das décadas o número de avistamentos de objetos voadores não identificados (ovnis) só tem aumentado, sabemos que parte desse aumento se deu graças a avançada tecnologia que fomos adquirindo ao longo dos tempos nos proporcionando maneiras mais eficientes de observar o espaço e estudá-lo, exemplos disso são os satélites artificiais em órbita em torno da terra, as sondas espaciais enviadas para explorar um pouco mais nosso espaço, isso sem falar dos telescópios e observatórios espaciais.


segunda-feira, 3 de julho de 2017

O Silêncio dos Inocentes

o silencio dos inocentes, the silence of lambs


Nesta obra dirigida por Jonathan Demme baseado em um livro de Thomas Harris que carrega o mesmo título, podemos observar de vários ângulos os extremos do ser humano, tendo Hannibal Lecter como protagonista.

Hannibal é um personagem bastante exótico e peculiar, adorado talvez por sua intelectualidade fora do comum, formado em medicina, acostumado a lidar com cadáveres além de ser um renomado psiquiatra, teria tudo para ser uma pessoa renomada se não fosse por suas práticas inapropriadas e foras de lei..

Ele tem uma estranha prática de não apenas matar sua vítimas como devorá-las ainda vivas.

domingo, 2 de julho de 2017

Black Mirror - O apocalipse tecnológico

Black Mirror
Charlie Brooker comenta sobre a abertura da série: "Se tecnologia é uma droga — e parece ser uma droga — então quais são, precisamente, os efeitos colaterais?" Esta área — entre prazer e desconforto — é onde Black Mirror, minha nova série dramática, se passa. O "espelho negro" da abertura é o espelho que você encontrará em cada parede, em cada mesa, na palma de cada mão: a tela fria e brilhante de uma TV, de um monitor, de um smartphone"


Black Mirror é uma série de televisão britânica, desenvolvida por Charlie Brooker, série essa que possui a ficção científica e o terror psicológico como temática, a série aborda de forma satírica um futuro com uma tecnologia bem mais avançada do que a que possuímos e, convenhamos, que bem mais problemática. Podemos perceber muitas críticas relacionadas à nossa maneira de viver atualmente, com todo o conforto (muitas vezes ilusório) da evolução tecnológica, o vício em redes sociais (que só parece aumentar) e os malefícios que essa tecnologia pode causar, nos levando a refletir por um tempo o "por que" de sermos tao apegados à tais coisas materiais ao ponto de parecermos escravos das mesmas. 

A série possui atualmente três temporadas, as duas primeiras lançadas em 2011/2013 respectivamente, ambas exibidas pela emissora Channel 4. 


segunda-feira, 19 de junho de 2017

O projeto de controle mental da CIA

mkultra, controle mental, cia, montauk, stranger things, controle mental monarca

Esse caso não se trata de uma creepypasta ou mais uma lenda urbana da internet, o que você irá acompanhar nessa matéria realmente aconteceu, o MKULTRA foi um projeto ilegal da CIA que consistia nos estudos de controle mental por meio de tortura, e o mais bizarro é que algumas das vítimas eram cobaias humanas, isso é, foram pagas para fazer aquilo, mesmo sem saber ao horror que se submeteriam.

É algo controverso que gerou bastante polemica na época, a maioria dos arquivos foram destruídos e restaram poucas evidencias, algumas das vítimas processaram a CIA e, ao longo do tempo muitos foram esquecendo de tal caso, mas há quem acredite que tais experimentos são realizados até hoje. 

Ano passado os irmãos Duff em parceria com a Netflix lançaram uma série que aborda tal assunto, a mesma se intitula: "Stranger Things", e mostra por meio da ficção a realidade do cruel projeto. 

(Em outras matérias falarei um pouco sobre tal série e também sobre os Manuais Kubark)

Obs: Todas os fatos apresentados nesta matéria são verídicos, inclusive os métodos de tortura utilizados.

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Thelema

lei de thelema, símbolo, ocultismo, alesteir crowley, raul seixas


Há um certo tempo tenho vontade de trazer esse assunto para vocês, não sou um Thelemita, porém estudo tal filosofia ocultista e busco praticá-la em meu dia a dia, afinal, todos buscamos algo, isso tem muito a ver com a matéria de hoje.

Essa semana enquanto estudava alguns manuscritos em um site, pensei na possibilidade de compartilhar um pouco desse pensamento com vocês, assim, estarei absorvendo e compartilhando tal conhecimento, por isso preparem-se para um série de matérias aqui no blog, não apenas sobre Thelema, mas sobre o ocultismo no geral.

Com certeza muitos já ouviram falar da Lei de Thelema, principalmente por conta de um grande artista brasileiro, Raul Seixas, que fundou a famosa "Sociedade Alternativa" junto com o mago/escritor Paulo Coelho, para formar tal Sociedade, ambos se basearam nos ensinamentos de Alesteir Crowley.



Faze o que tu queres há de ser toda a Lei

O princípio Thelemico está dedicado aos altos propósitos de segurança da Liberdade do Indivíduo e de seu crescimento em Luz, Sabedoria, Compreensão, Conhecimento e Poder; mediante Beleza, Coragem e Sapiência;

A lei de Thelema está encravada no Livro da Lei, recebido e escrito por Aleister Crowley em 1904, e com este, uma mensagem de revolução do pensamento humano, da cultura e religião baseados no simples axioma: "Faze o que tu queres há de ser toda a Lei - Amor é a lei, amor sob vontade".